top of page

Abordagens Terapêuticas para Distúrbios Gastrointestinais: A Eficácia de Probióticos e Plantas Medicinais

A microbiota intestinal é um órgão adicional essencial para o funcionamento fisiológico do corpo. Quando ocorre uma disbiose, que é um desequilíbrio na população microbiana, podem surgir consequências funcionais significativas, associadas a diversas patologias digestivas, como a doença inflamatória intestinal, o câncer colorretal, a obesidade e o autismo.

 

Potencial Terapêutico de Probióticos e Plantas Medicinais

 

A combinação de probióticos e plantas medicinais emerge como uma alternativa promissora aos tratamentos convencionais. Essa abordagem não apenas demonstra eficácia, mas também minimiza os efeitos adversos, oferecendo novas perspectivas terapêuticas.

 

Na Literatura: Avaliação em Pacientes com Distúrbios Gastrointestinais

 

Um estudo clínico realizado com 160 pacientes em Saida, Argélia, revelou uma alta incidência de distúrbios digestivos. As desordens digestivas mais prevalentes entre os participantes incluíram inchaço, afetando 51,9% dos pacientes, constipação, presente em 32,8%, e diarreia, experimentada por 15,34%. Esses dados destacam a necessidade de abordagens terapêuticas eficazes para manejar essas condições gastrointestinais comuns na população estudada.

 

Em relação à eficiência do tratamento convencional, 88,54% dos pacientes consideraram a terapia temporariamente eficaz. Dentro deste grupo, 26,3% relataram um efeito imediato, enquanto 43,1% experimentaram um efeito demorado. No entanto, 23,1% dos pacientes obtiveram apenas alívio temporário, indicando que, embora a terapia convencional seja amplamente aceita, nem sempre oferece uma solução duradoura para todos os pacientes. Esses resultados sugerem a necessidade de explorar alternativas terapêuticas que possam proporcionar benefícios mais sustentáveis.

 

Uso de Suplementos Probióticos Conforme Distúrbios Digestivos

 

Durante crises de aerocolia, os pacientes utilizam suplementos probióticos, dentre eles, os mais utilizados são:

 

  • Biocharbon: 34,28%

  • Lactocil: 15,23%

  • Ultrabiotic Adulto: 14,28%

  • Effidigest: 13,33%

  • Smebiocta: 11,42%

  • Ultralevure: 7,61%

  • Enterogermina e Ultrabiótico Infantil: 1,9% cada.

 

Para constipação, os pacientes utilizam os seguintes suplementos para alívio dos sintomas:

 

  • Biocharbon: 44,11%

  • Lactocil: 26,47%

  • Effidigest: 10,29%

  • Ultralevure e Ultrabiotic Adulto: 7,35% cada

  • Smebiocta: 2,94%

  • Enterogermina: 1,47%.

 

Durante episódios de gastroenterite, o uso probiótico mais utilizado foi de:

 

  • Smebiocta: 31,7%

  • Biocharbon: 29,26%

  • Ultrabiotic Adulto: 14,63%

  • Effidigest: 12,19%

  • Ultralevure: 7,31%

  • Lactocil e Ultrabiótico Infantil: 2,43% cada.

 

Uso de Plantas Medicinais para Distúrbios Digestivos

 

As famílias Apiaceae e Lamiaceae são amplamente utilizadas na fitoterapia para tratar distúrbios digestivos funcionais, com uma prevalência de uso de 31,2% e 29,4%, respectivamente. Essas plantas medicinais são principalmente empregadas para aliviar sintomas de inchaço, constipação e diarreia. A utilização dessas plantas apresenta uma correlação significativa com a melhora dos sintomas digestivos, destacando seu potencial terapêutico na gestão de desordens gastrointestinais.

 

Prática Clínica

 

Na prática clínica, a combinação de probióticos e plantas medicinais surge como uma alternativa promissora para tratar distúrbios gastrointestinais, oferecendo eficácia terapêutica e minimizando efeitos adversos. Estudos sublinham a importância de estratégias que não apenas aliviem sintomas imediatamente, mas também promovam benefícios sustentáveis para os pacientes. O uso de plantas das famílias Apiaceae e Lamiaceae é destacado por sua eficácia no manejo de condições como inchaço, constipação e diarreia, complementando abordagens integrativas na prática clínica para distúrbios gastrointestinais funcionais.

 

Continue Estudando...

 

 

 

 

Referências Bibliográficas

 

TAZI, Lamia Abir; BENABDESSLEM, Yasmina; AMARA, Sabrina; HACHEM, Kadda. A survey into the utilization of probiotics and medicinal plants among individuals afflicted with gastrointestinal disorders in healthcare institutions in Saïda, Algeria. Libyan Journal Of Medicine, [S.L.], v. 19, n. 1, p. 1, 18 fev. 2024. Informa UK Limited.

Comments


bottom of page