top of page

Coenzima Q10 para Melhora da Performance Esportiva: O que você precisa saber

Durante o exercício físico há um aumento na produção de espécies reativas de oxigênio, o que pode ser uma causa de distúrbios induzidos pelo exercício. Os distúrbios no músculo esquelético contribuem para a fadiga muscular e lesão muscular. O estresse oxidativo pode surgir como consequência de um equilíbrio alterado entre a produção de radicais livres e sua remoção por antioxidantes e cofatores. 

Sendo assim, a coenzima Q10 (Q10), que é utilizada aproximadamente por 70% da população dos EUA,  poderia ser coadjuvante para melhorar esse estresse oxidativo relacionado ao exercício. Visto que, na cadeia respiratória mitocondrial, o Q10 aumenta a taxa de transporte de elétrons, um mecanismo sugerido pelo qual a coenzima Q10 aumenta a capacidade física e resiste às consequências do estresse oxidativo negativo do exercício extenuante. 



Table of ContentsToggle

Coenzima Q10 na Literatura Científica

Em um estudo duplo-cego randomizado, foi analisado a capacidade da suplementação de coenzima Q10 para investigar o efeito dela principalmente na capacidade física, usando vários testes individualizados de capacidade de exercício até a exaustão física e, como resultado secundário, examinaram o efeito deste suplemento nos marcadores sanguíneos de estresse oxidativo no músculo esquelético. A suplementação foi feita com 90mg de Q10 diariamente para homens entre 19 e 44 anos treinados. 

Ao final do estudo, eles não conseguiram demonstrar um efeito benéfico da suplementação de Q10 em comparação com o placebo. Outro ponto a ser considerado é que a administração antes do exercício em doses mais altas pode até impedir as desejadas adaptações celulares úteis induzidas pelo exercício.

Prática Clínica

A falta de evidências sobre o potencial benéfico da administração de coenzima Q10 para diminuir os distúrbios causados pelo exercício físico, indica que não é um suplemento que deva ser indicado para esse fim. Além disso, se a dose foi alta pode atrapalhar as adaptações necessárias para melhora da performance. 

Referências Bibliográficas

Ostman B, Sjödin A, Michaëlsson K, Byberg L. Coenzyme Q10 supplementation and exercise-induced oxidative stress in humans. Nutrition. 2012 Apr;28(4):403-17. Epub 2011 Nov 12. PMID: 22079391.

Classifique esse post

6 visualizações

Comments


bottom of page