top of page
  • Foto do escritorKcal da Science Play

Disfunção Mitocondrial na Saúde da Mulher

As mitocôndrias são as usinas energéticas do corpo humano e as evidências acerca do seu papel no desenvolvimento de doenças são crescentes. Assim, quando ocorrem falhas em seu funcionamento um quadro disfuncional se instala. Logo, a disfunção mitocondrial relaciona-se com o envelhecimento, falência ovariana além de implicações na fertilidade. Abordaremos aqui como a disfunção mitocondrial afeta a saúde da mulher.   



Table of ContentsToggle

Disfunção Mitocondrial

As mitocôndrias são organelas  fundamentais para a homeostase do organismo, possuem membrana dupla e são exclusivamente herdadas de nossas mães. A sua principal função é a geração de energia celular através da fosforilação oxidativa de ácidos graxos, aminoácidos e de glicose. As mitocôndrias possuem um  modelo de proteção ao seu DNA relativamente fraco quando comparado ao genoma nuclear celular, além de possuir menos histonas para seu reparo. Dessa forma, as mitocôndrias são mais vulneráveis a mutações, o que corrobora com o estresse mitocondrial e pode ocasionar um quadro disfuncional. 

Mitocôndrias e o Controle de Qualidade

Como mecanismos de controle de qualidade aos danos celulares, as mitocôndrias possuem a capacidade de iniciar o processo de fissão e fusão a fim de  se adaptarem a ambientes estressores e manter a homeostase do corpo. Além disso, também são capazes de promover a mitofagia e autofagia naquelas mitocôndrias que não estão em bom funcionamento. Logo, em situações de mutação no mtDNA, biogênese prejudicada e redução na atividade de enzimas como a TCA, importante para o metabolismo, ocorre maior degradação das mitocôndrias , o que interfere na homeostase. 

Disfunção Mitocondrial e Saúde da Mulher 

A disfunção mitocondrial compromete a saúde da mulher, pois está ligada a maior resistência à insulina por meio de mecanismo de aumento na produção de ROS, o que dificulta a ação da insulina nos adipócitos. Além disso, ocorre a  de desregulação do balanço de cálcio intracelular, comprometendo a ativação das enzimas dependentes de Ca+, o que prejudica a oxidação de lipídeos. Nas mulheres, esse quadro pode ocasionar o acometimento de diabetes gestacional, bem como no período pós parto o diabetes mellitus tipo II, além de comprometer a saúde fetal.

Associado a isso, as mulheres também podem apresentar o quadro de Síndrome dos Ovários Policísticos-SOP que está intimamente relacionada com a disfunção mitocondrial e quadros de resistência à insulina. Nesse sentido, a falência ovariana compromete a saúde reprodutiva da mulher. Logo, a disfunção mitocondrial deve ser o alvo a fim de modular as respostas terapêuticas a várias doenças com o intuito de promover mais fertilidade, saúde e qualidade de vida aos pacientes. 

Prática Clínica

Portanto, para promover mais saúde nas mulheres a disfunção mitocondrial deve ser combatida. De maneira prática, os hábitos relacionados ao estilo de vida são fatores chave para a modulação da biogênese mitocondrial, além da adoção a prática regular de exercícios que comprovadamente melhoram a  geração de energia, os hábitos alimentares também devem ser modificados. Em suma, a suplementação de compostos bioativos, fitoquímicos e CoQ-10 podem auxiliar no tratamento de tal disfunção e melhorar a qualidade de vida do paciente. 

Referências Bibliográficas

Artigo Disfunção Mitocondrial na Obesidade e Reprodução : Manasi Das, Consuelo Sauceda, Nicholas JG Webster, Mitochondrial Dysfunction in Obesity and Reproduction, Endocrinology , Volume 162, Issue 1, January 2021, bqaa158, https://doi.org/10.1210/endocr/bqaa158

Classifique esse post

6 visualizações

Comments


bottom of page