top of page

Efeitos Terapêuticos dos Suplementos Esportivos

Em sua palestra do Congresso Nutrição Brasil, o nutricionista Pedro Perim abordou o tema “Muito além do pódio: efeitos terapêuticos dos suplementos esportivos do sucesso”.

A suplementação de creatina, cafeína, nitrato, beta-alanina e bicarbonato já está amplamente reconhecida em todo o mundo, mas existem outros suplementos a serem considerados. Além de melhorar o desempenho esportivo, eles também contribuem para o sistema imunológico, saúde intestinal e recuperação muscular mais rápida.



Table of ContentsToggle

Creatina 

  1. Permeabilidade Intestinal: A creatina pode beneficiar a saúde intestinal, fortalecendo a barreira intestinal e aumentando a atividade da enzima CKMT, essencial para a restauração da barreira.

  2. Saúde Cerebral: A creatina é capaz de atravessar a barreira hematoencefálica e aumentar a atividade cerebral.

  3. Outras Aplicações: Além do desempenho esportivo, a creatina tem aplicações em sarcopenia, depressão, fertilidade, imunidade, osteoporose e saúde renal.

Nitrato

Por sua vez, o nitrato é eficaz na produção de óxido nítrico, proporcionando benefícios como a vasodilatação, melhora da respiração mitocondrial, resistência à fadiga e aumento do desempenho físico.

Cafeína

Em relação à cafeína, ela já é amplamente consumida e estudada, por possuir benefícios como a redução da pressão arterial, propriedades anticancerígenas, neuroproteção, antioxidantes, proteção cardiovascular, antifúngica, anti-inflamatória e antidiabética.

Beta-Alanina

A beta-alanina é um aminoácido que aumenta a concentração de carnosina nos músculos, atuando como um tampão ácido natural. Isso reduz a fadiga muscular e melhora o desempenho em exercícios de alta intensidade. Ela também pode beneficiar a função cognitiva, prevenindo lesões musculares e articulares.

Ômega 3 e Melatonina

Em relação aos ácidos graxos ômega-3, eles são essenciais para o funcionamento adequado do corpo e podem prevenir e tratar doenças cardiovasculares, reduzir triglicerídeos, diminuir a pressão arterial e apoiar a saúde cerebral. Enquanto isso, a melatonina é responsável por regular o sono e ter papel antioxidante e anti-inflamatório que beneficia a saúde mitocondrial.

Cúrcuma e Coenzima Q10

A curcumina é um composto presente na cúrcuma, o qual possui propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes e pode aliviar a dor, melhorar a saúde articular e cardiovascular. Da mesma forma, a Coenzima Q10 também apresenta propriedades antioxidantes, beneficiando a saúde cardíaca, reduzindo a fadiga e melhorando a função cognitiva

Prática Clínica

Portanto, a utilização estratégica de suplementos deve ser utilizada pelos nutricionistas, pois pode agregar valor às abordagens nutricionais na prática clínica, oferecendo oportunidades para otimizar o desempenho e promover a saúde de forma direcionada e personalizada.

Matéria elaborada pela colunista Ana Carolina Mantello Teixeira Pinezi, com base na palestra do nutricionista Pedro Perim.

Classifique esse post

7 visualizações

Comments


bottom of page