top of page
  • Foto do escritorKcal da Science Play

Minerais



Table of ContentsToggle

O que é?

Os minerais são elementos químicos que desempenham funções de grande importância no organismo humano, sendo indispensáveis para o desenvolvimento e a saúde dos indivíduos.  Além disso, os estudos existentes apontam para a necessidade do acompanhamento das tendências alimentares que poderiam levar às suas deficiências com consequências adversas para a saúde da população e o desenvolvimento do nosso país, como o baixo consumo de alimentos in natura e o alto consumo de ultraprocessados.

Para que servem os minerais?

Cada mineral possui uma função específica e importante no organismo, por isso é importante que todos estejam em quantidades adequadas, para que se possa ter as funções vitais preservadas. A deficiência de ferro, por exemplo, é um dos principais fatores que levam à anemia, e o baixo consumo de iodo pode levar ao bócio e níveis baixos de selênio causam desregulação da glândula tireóide.

Como funcionam os minerais?

Com o consumo atual da população brasileira e mundial sendo baixo em alimentos in natura, como frutas, verduras e legumes, cereais, oleaginosas e leguminosas, e alto em ultraprocessados ricos em sódio, gordura saturada e açúcar, percebe-se uma tendência à deficiência de diversos minerais encontrados principalmente nos in natura. Deve-se fazer destes a base da sua alimentação para garantir o bom funcionamento do organismo a longo prazo.

Como avaliar?

Uma forma eficaz de detectar a deficiência de minerais é unindo diversas análises: nutricional (por meio de questionários de consumo alimentar comparados com os valores de padrões de referência), clínica (por meio de sinais e sintomas) e bioquímica (com exames laboratoriais específicos para aquele mineral que parece estar deficiente, e posterior suplementação em doses seguras e eficazes).

Quando precisa suplementar?

É importante realizar exames bioquímicos regularmente para que se possa detectar alguma possível deficiência. Quando detectada, a suplementação deve ser sempre individualizada para o paciente de acordo com sua idade, sexo, valores de referência e quantidade que se quer atingir. O uso de multivitamínicos com minerais pode não cobrir a deficiência específica ou ainda atingir limites superiores que podem causar toxicidade dos compostos.

Referências

Artigo: COZZOLINO, Silvia Maria Franciscato. Deficiências de minerais. Estudos avançados, v. 21, p. 119-126, 2007.

Classifique esse post

3 visualizações

Comments


bottom of page