top of page

Suplementos plant-based auxiliam nos sintomas da menopausa?

A menopausa é considerada o fim da vida reprodutiva da mulher, geralmente indicada pelo momento em que os períodos menstruais param permanentemente. A transição da menopausa e suas alterações associadas variam amplamente. Os sintomas associados à menopausa incluem ondas de calor, suores noturnos e secura vaginal, com 50,3% a 82,1% das mulheres na menopausa relatando ondas de calor ou suores noturnos. Tratamentos médicos para esses sintomas estão disponíveis, incluindo terapia de reposição hormonal. No entanto, dadas as consequências potencialmente negativas da reposição hormonal para a saúde cardiovascular e incidência de câncer de mama, nos países ocidentais vem crescendo o interesse pelo uso das terapias complementares, incluindo terapias plant-based (à base de plantas) em pacientes que estão passando pela menopausa. 



Table of Contents


Suplementos Plant-based na Menopausa


Algumas terapias à base de plantas associaram-se à redução na frequência dos sintomas da menopausa em mulheres. Entretanto, a suplementação composta de fitoestrógenos e intervenções individuais de fitoestrógenos, como soja dietética e suplementação com isoflavonas, associaram-se à melhora de alguns sintomas. Dentre eles, inclui-se reduções nos fogachos e secura vaginal, mas sem redução significativa no suor noturno. Além disso, várias ervas medicinais  também melhoraram os sintomas da menopausa. 


Suplementos com trevo vermelho, uma rica fonte de fitoestrógenos formononetina, biochanina, daidzeína e genisteína, foi associada com melhorias nos suores noturnos, mas não com a frequência de ondas de calor. Diante disso, pode haver um argumento biológico plausível para essas associações de fitoestrógenos com sintomas melhorados. Os principais subtipos de fitoestrógenos, isoflavonas e lignanas, têm uma estrutura química semelhante à do estradiol (ou seja, uma forma de estrogênio) e, portanto, possuem propriedades relevantes.


Ensaios que avaliaram remédios fitoterápicos, como extrato isolado de Rheum rhaponticum e picnogenol (extrato de casca de pinheiro), relataram associações com melhorias no número de ondas de calor em 24 horas. Em contrapartida, não houve associação significativa entre a suplementação de Cimicifuga racemosa ou Actaea racemosa e os sintomas da menopausa.


Continue Estudando...





Referências Bibliográficas 


Franco OH, Chowdhury R, Troup J, et al. Use of Plant-Based Therapies and Menopausal Symptoms: A Systematic Review and Meta-analysis. JAMA. 2016;315(23):2554-2563. doi:10.1001/jama.2016.8012

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page