top of page

Papel dos Antioxidantes na Fertilidade Feminina

Os processos mediados pelos estresse fisiológico exacerbado, interferem na saúde feminina. No que se refere à produção excessiva de espécies reativas de oxigênio e nitrogênio, algumas desordens ginecológicas podem ser desencadeadas, além de problemas na fertilidade. Assim, os antioxidantes naturais, ocupam papel de destaque na promoção e restauração da fertilidade feminina. Entenda como. 



Table of ContentsToggle

Estresse Oxidativo, Antioxidantes e Fertilidade

O estresse oxidativo tem papel fundamental nos processos fisiológicos de regulação das fases do ciclo menstrual. As espécies reativas de oxigênio e também de nitrogênio atuam tanto na regulação, quanto na sinalização molecular, na ovulação, no espessamento do endométrio, além do processo final de fertilização do embrião. Porém, quando tais processos estão em desarmonia, a saúde da mulher é prejudicada. Isso, sugere o potencial benéfico dos antioxidantes na saúde da mulher, visto que atuam induzindo, principalmente, melhora do estresse oxidativo no organismo. 

Funções dos Antioxidantes

Os antioxidantes atuam na maturação do endométrio por meio da ativação de vias metabólicas do  NF-κB, além de atuar na ativação hormonal  do sistema vascular, para garantir o adequado fluxo sanguíneo. Nesse sentido, quando as defesas antioxidantes estão em bom funcionamento, a angiogênese e a biossíntese de energia é beneficiada em todas as fases do ciclo menstrual. Quando  os processos inflamatórios então mais acionados, sintomas como fadiga e mais cansaço são frequentemente relatados pelas mulheres. Dessa forma, o cuidado nutricional tem o papel de melhorar a qualidade de vida feminina, principalmente, durante a menstruação, além de impactar positivamente a fertilidade. 

Prática Clínica

Assim, os antioxidantes têm um papel importantíssimo no que se refere à saúde da mulher e a sua fertilidade. Logo, ofertar alimentos ricos em vitamina C, E, B9, B12, selênio e zinco, deve ser uma prioridade no planejamento dietético. De maneira prática, alimentos a como: a batata doce, goiaba, pimentão, kiwi, brócolis, mamão, morango, fígado, alimentos fermentados e vegetais folhosos, peixe, leite, ovos, alho e a cebola, podem ser incluídos no cardápio a depender das preferências alimentares do pacote. Por fim, a suplementação nutricional também é importante, compostos como a L-carnitina, melatonina e o resveratrol e que contribuem para a melhora da fertilidade. 

Referências Bibliográficas

Vašková J, Klepcová Z, Špaková I, Urdzík P, Štofilová J, Bertková I, Kľoc M, Rabajdová M. The Importance of Natural Antioxidants in Female Reproduction. Antioxidants (Basel). 2023 Apr 11;12(4):907. 

Classifique esse post

3 visualizações

Commenti


bottom of page